Como diminuir a Rotatividade em sua equipe externa.

 

 

Uma das mais difíceis tarefas de qualquer gestor de equipe externa é a taxa de “turnover” ou em português claro é a taxa de rotatividade da equipe. O problema pode acarretar alto custo de contratação/demissão, queda na produtividade e desmotivação do restante da equipe. É comum colaboradores insatisfeitos influenciarem outras pessoas e isso se torna um problema crônico. Geralmente quem trabalha externo tem uma rotina bem diferente de colaboradores alocados no escritório, por isso é preciso prestar atenção. Caso você já esteja sofrendo deste problema, nós preparamos algumas dicas para que você diminua a rotatividade em sua equipe externa.

 

1 – Porque seu colaborador saiu?

Muitas empresas aplicam um questionário qualquer para que o colaborador preencha no ato do pedido de demissão. Um documento como este não mostrará a realidade. Entenda de fato o por que dele ter procurado outra oportunidade. A melhor maneira de fazer isso é com uma conversa franca com ele. Pergunte o que o incomodava, o que trazia insatisfação para ele e monte um relatório com os principais pontos da entrevista. Com o tempo você poderá descobrir que os motivos são basicamente relacionados aos mesmos assuntos.

 

2 – Salário

Você já fez alguma pesquisa de mercado para avaliar o salário pago aos colaboradores? O salário é um dos principais motivos que fazem pessoas trocarem de emprego. Por isso verifique no mercado e talvez você descubra que pode estar formando pessoas para outras empresas.

 

3 – Sua equipe possui plano de carreira?

As pessoas são motivadas com objetivos claros e definidos, sem isso elas podem esmorecer no trabalho e procurar novos desafios. Uma das maneiras mais eficientes de criar isso nas pessoas é um projeto de plano de carreira dentro da equipe. Vendedores externos sonham em ser supervisores, coordenadores e gerentes. É claro que muitos não irão possuir perfil de liderança mas você pode encontrar pessoas que irão superar suas expectativas. Crie metas agressivas e premie as pessoas com um resultado mais eficiente. Caso se interesse, a implantação de um modelo meritocrático pode te ajudar, você pode assistir um vídeo aqui:

 

 

4 – Carga horária

É comum que colaboradores externos tenham plantões e horários de trabalho mais diversificado que o normal. Isso com certeza pode gerar descontentamento em algumas pessoas da equipe. Verifique quem tem perfil para aceitar esse tipo de trabalho antes de alocar a pessoa. E nunca use isso como forma de punir alguém, pois além de anti ético faz com que outras pessoas possam se solidarizar com o colaborador.

 

5 – Preocupe-se com o ambiente de trabalho

O principal motivo que fazem os colaboradores desmotivarem segundo um estudo da FGV é o ambiente de trabalho e a comunicação com os colegas. Por isso tome cuidado em como você gerencia o departamento, ambientes estressantes além de diminuir a produtividade colaborador coopera para busca por novos trabalhos. Tente sempre ser justo e prestativo com sua equipe e você terá pessoas motivadas.

 

O importante é mensurar o que está acontecendo em sua equipe e medir a taxa de rotatividade e compara-la com o mercado.

Please reload

Please reload

A Auvo e o Equipe Produtiva tem como missão ajudar milhares de colaboradores e gestores de equipes de campo no Brasil

Categorias
Outros
Materiais
  • Grey Facebook Icon
  • Grey Twitter Icon
  • Grey YouTube Icon
  • Grey Instagram Icon

Copyright © 2015-2017 Gestão de Equipes Externas. Todos os direitos reservados.
Feito com ❤ pelo time da Auvo.